Você está preparado para abrir seu próprio negócio? - Bucalo
Loja Augusta: (11) 3189-0020
Loja Shop. D&D: (11) 2663-8230
Loja Al. Gabriel: (11) 3062-6481
Revenda: (11) 3087-7877

Você está preparado para abrir seu próprio negócio?

Publicado em 24/03/2017

Muitas pessoas têm na cabeça que ter o seu próprio negócio é a vida de trabalho dos deuses. Pensam que só por não ter um superior a quem reportar seu trabalho e não ter quem mande é a solução para todos os problemas, mas isso pode não ser uma verdade absoluta.

Não caia na ilusão de que abrir seu próprio negócio será simples, pois não é. É necessário muita dedicação e empenho da sua parte para fazer com que a empresa possa prosperar por anos e anos.

Mas a primeira pergunta que vem a cabeça de quem quer empreender é como abrir seu próprio negócio… Uma resposta muito inteligente e que fará você refletir foi a de Mark Zuckerberg, fundador do Facebook: “Minha resposta é que todo bom negócio começa com alguém que se preocupa em mudar algo e não apenas em fazer uma empresa. Por isso, ao invés de tentar construir uma empresa, foque na mudança que você quer ver no mundo”.

Sinais que mostram que você está pronto para abrir seu próprio negócio

  • Assunto pensado há algum tempo: ótimo que você não tenha pensado em abrir seu próprio negócio por impulso. Você provavelmente está apto para tal.
  • Querer ser melhor: se você percebe que pode fazer muito mais em um trabalho diferente, já é um grande passo.
  • Mais trabalho: abrir seu próprio negócio exigirá mais tempo e dedicação de você, muito mais do que quando era empregado. Se você já tinha noção disso, será muito mais fácil seguir em frente.
  • Experiência: faça algo em que já tenha experiência, pois as chances de dar errado diminuem consideravelmente.
  • Confiança: você precisa pensar positivo e confiar naquilo que está se propondo, para que os negócios fluam da melhor maneira possível.

Agora que você percebeu que você se encaixa nesses 5 sinais que indicamos, nós te ajudaremos com dicas e o que não fazer ao abrir seu próprio negócio.

 Dicas para abrir seu próprio negócio

Analise seu capital: antes de tudo, verifique se você possui dinheiro suficiente para abrir aquilo que deseja. Pense em tudo o que está devendo, para não haver nenhuma surpresa mais para frente. Separe suas despesas pessoais dos da empresa e tenha um fluxo de caixa qualificado para ela, para você conseguir enxergar tudo o que entra e o que sai da sua empresa.

Sociedade: caso você sinta medo de empreender sozinho ou acha que alguém pode te oferecer um suporte e que complemente seu negócio, procure um sócio, em que cada um pode se apoiar no outro e pedir auxílio. Mas ter um sócio não significa jogar tudo em cima dele. As tarefas precisam ser divididas.

Capacitação: para que seja mais fácil esse caminho árduo de prosperar seu próprio negócio, faça cursos de capacitação voltados para sua área e aprenda mais e mais a cada dia. Não é porque você abriu uma empresa, que não precisa estudar mais. Esses cursos só irão te beneficiar e fazer com que sua empresa se desenvolva de maneira positiva.

Busque oportunidades: em tempos de crise está muito difícil pensar em abrir seu próprio negócio, mas busque oportunidades. Procure por parcerias, vá atrás de novos produtos ou até de um serviço diferente. O importante nessas horas é não se acomodar.

Procure por cursos e consultoria: é possível fazer vários cursos de empreendedorismo para quem está começando. Informe-se e vá atrás! O Sebrae oferece cursos sobre como montar um plano de negócios, imprescindível para quem está iniciando, além de vários outros.

O que não fazer ao abrir seu próprio negócio

Falta de planejamento: cuidado com sua empolgação e aquela vontade voraz de fazer seu negócio decolar. Claro que esses dois fatores são essências para seu sucesso e é ótimo que você esteja assim, mas antes disso, muitos novos empreendedores se esquecem de que é necessário fazer um planejamento com toda essa euforia. Verifique seu capital, pense em qual será o produto a ser comercializado, veja qual público-alvo que atingir e por aí vai. Faça um plano de estudo.

Prazos não atendidos: é necessário organização e disciplina para fazer com o que toda a logística do seu negócio aconteça de forma fluida e certeira.

Não ter comprometimento: para querer ter um negócio, é necessário que você, empreendedor, tenha tempo disponível, se dê de corpo e alma, pois comprometimento é fundamental para o bom desenvolvimento de um negócio.

Subestimar o mercado: quem acha que tudo sabe, pouco sabe. Estude seu segmento de mercado e com a prática comeceçará a perceber o que é bom ou ruim para seu negócio e poderá lapidar da melhor forma seu novo negócio.

Vender a qualquer custo: em tempos de crise, quando tudo é mais difícil de ser vendido, muitos empreendedores optam por vender mais barato só para vender, mas o vender mais barato pode se tornar um inimigo, pois você pode estar perdendo dinheiro. Dê um desconto que seja condizente com seu valor de custo e de lucro, de modo a não perder dinheiro. Valorize seu trabalho.

 

Use como inspiração as palavras de Zuckerberg e não desista tão facilmente! Há um caminho longo a ser percorrido para ter garantia de sucesso no seu próprio negócio, mas com dedicação, responsabilidade e principalmente amor, você chegará lá!

Gostou? Compartilhe nas redes sociais: