Como melhorar a experiência do cliente em uma loja de decoração

Diante da concorrência, qualquer esforço para melhorar a experiência do cliente em uma loja de decoração é bem vindo. Isso porque o consumidor tem pesquisado muito antes de comprar móveis, objetos decorativos e papéis de parede.

E sabe o que eles mais querem? Voltar para casa com a certeza de que fizeram a escolha certa!

Fazer a escolha certa não envolve apenas encontrar exatamente aquilo que se estava procurando, mas também de que modo aconteceu todo o processo da compra.

Daí surgem preocupações em relação à recepção, ao tipo de abordagem, a variedade de produtos, a simpatia e paciência do vendedor, o conforto e a energia do lugar.

Sim, a energia que paira sobre uma loja de decoração, associada a outros fatores, pode influenciar a tomada de decisão de pelo menos uma boa parte dos consumidores.

Quando falamos de energia, nos referimos ao bom humor, alto astral, ao sorriso e olhar acolhedor de quem está realmente disposto a ajudar.

Mas como melhorar a experiência do cliente desde o momento em que ele entra na loja até a sua saída?


É exatamente sobre isso que vamos falar hoje no post que preparamos com todo carinho para você.

Deixe o cliente a vontade


Quando um consumidor entra em uma loja de decoração ele quer muito ser bem atendido e receber ajuda para encontrar aquilo que está procurando ou até mesmo sugestões de algo que ainda não tinha passado pela sua cabeça.

No entanto, ele também quer se senti a vontade para circular pela loja, comentar com as pessoas que estão te acompanhando ou simplesmente refletir se vale a pena ou não levar determinado produto.

Por isso, ao ver um cliente entrar em sua loja, se aproxime, se apresente e seja cordial, mas de forma alguma o persiga pela loja, pois isso pode causar um desconforto e tanto.

O ideal é que você se mantenha por perto e se mostre disposto a ajudar sempre que lhe for solicitado. Caso contrário você vai causar má impressão e até mesmo provocar a saída do cliente da loja.

Jamais abandone o cliente


Ao contrário do primeiro tópico, em muitos casos, o cliente entra na loja e não encontra absolutamente ninguém para recepcioná-lo, o que pode causar uma sensação de que ninguém se importa com a presença dele.

E quando acontece dele se deparar com todos os vendedores conversando entre si, rindo, falando alto, a situação costuma ficar ainda pior.

Se a intenção é melhorar a experiência do cliente, você precisa estabelecer uma postura profissional, cuidar para que os vendedores fiquem bem distribuídos pela loja, disponíveis para esclarecer dúvidas sobre os produtos, preparados para fazer orçamentos, dentre outras coisas.

Procure manter o equilíbrio no atendimento, fazendo com que o cliente se sinta a vontade para olhar tudo aquilo que deseja, mas que também possa ver que há pessoas ali para ajudá-lo no quer for preciso.

Saiba se comunicar


Quer melhorar ainda mais a experiência do cliente em sua loja de decoração? Então, tenha consciência de que falar demais pode deixar ele exausto e, no pior dos casos, fazer com que ele se sinta pressionado e vá embora imediatamente.

Por esse motivo, fale apenas o necessário, evite dar opiniões pessoais (a não ser que o cliente peça) e tente se expressar de maneira mais clara e objetiva possível.

Mas é importante ressaltar que ficar quieto demais também pode prejudicar o processo de venda. Ter desenvoltura, falar com o tom de voz agradável e sempre sorrindo são dicas essenciais para ter uma boa comunicação com o cliente.

No mais, trabalhe com simplicidade, treine sua equipe para atender com carinho e respeito. Ofereça um café, uma água, converse, equilibre a comunicação e deixe seus clientes felizes e satisfeitos.

E então, pronto para revolucionar o atendimento em sua loja de decoração e proporcionar uma incrível experiência para seus clientes?

Clique aqui para se tornar um revendedor de papel de parede da Bucalo e garantir que seus clientes sempre terão produtos da melhor qualidade!

Compartilhe essa página

Deixe seu comentário