Custo médio: conheça esse método de controle de estoque

Falamos aqui recentemente sobre organização de estoque e perdas de estoque, mas hoje viemos ensinar a você lojista do ramo de decoração, como calcular o custo médio e saber exatamente o valor dos produtos adquiridos em determinado período.
 
O custo médio é um dos métodos mais utilizados hoje em dia, você sabia? Não somente por ser mais fácil de ser calculado, mas porque se encaixa perfeitamente nas exigências presentes na legislação do imposto de renda.
 
Custo médio: conheça esse método de controle de estoque
 
Outra vantagem de usar o método de custo médio do produto é que ele permite analisar a flutuação de preços e equilibrar os valores para evitar perdas no faturamento e outros prejuízos.

O que é o custo médio e como calcular?

Custo médio: conheça esse método de controle de estoque 

Também conhecido como preço médio ponderado, o custo médio é alcançado por meio da soma dos investimento empregados, no período de um mês, por exemplo, dividido pelos itens comprados e que estão armazenados em estoque.
 
Na prática, como funciona? Suponhamos que a sua loja tenha comprado 50 peças de determinado produto por R$250,00, mas no mesmo mês você precisou repor essas mercadorias, comprou mais 100, agora por R$650,00. Qual o custo médio desse item?
 
Não se assuste, não é nada complicado. Veja bem, em primeiro lugar você deve somar os custos totais do produto: R$250,00 + R$650,00 = R$900,00, certo? Agora somar o total de peças compradas: 50 = 100 = 150.
 
O custo médio é obtido com a seguinte fórmula: 900,00 / 150 = 6. Então o preço médio ponderado de cada unidade equivale a R$6,00. Essa média deve ser recalculada toda vez que você abastecer o seu estoque com o mesmo tipo de produto.
Fácil, não é mesmo? E você ai8nda pode dividir o custo médio em custo médio ponderado fixo e custo médio ponderado móvel. A primeira abordagem é ideal para quem realiza o controle de inventário um única vez por período.
 
A outra modalidade é uma alternativa para o lojista que mexe com os números do estoque com frequência. Nesse caso específico, se considera os valores que variam em cada compra efetuada.
 
Quando bem aplicado, o método de custo médio ou preço médio ponderado para controle de estoque ainda ajuda os outros setores do negócio e na otimização de todos os processos que estão interligados. Adote o método na rotina da sua loja e equilibre as finanças já!
 
Custo médio: conheça esse método de controle de estoque

Compartilhe essa página

Deixe seu comentário